Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

Nessas pedras quero sentar, molhar os pés descalços, sentir o toque do azul gelado,  sentir no rosto - as gotas frescor do orvalho.

“Prazer”, asas abertas pra longe voar.

“Sensibilidade”, asas abertas pro voo infinito saber. (aneleh)

 

 

Nome:
E-mail:
Telefone:

Mensagem:


Conteúdo